Operação cavalo de aço das forças de segurança municipais
Divulgação/Prefeitura de Guarulhos
Operação se destinou aos motoqueiros, grupo do trânsito que é recordista em mortes em decorrência de acidentes no município


O Grupo de Segurança Viária , por meio das forças de segurança pública , finalizou nesta quinta-feira (18) a operação integrada de fiscalização Cavalo de Aço , voltada aos motociclistas  em Guarulhos. A ação durou toda a semana, com 133 motos fiscalizadas, seis recolhidas ao pátio e 106 autuações por motivos diversos, além de dois carros roubados .

Além das motocicletas , outros 38 veículos foram abordados (dois recolhidos), nove documentos apreendidos, 27 testes de bafômetro realizados, dois carros roubados recuperados e, na quarta-feira, uma pessoa detida por assédio sexual dentro de um ônibus. Ela foi reconhecida pela vítima na rua e agentes de trânsito foram chamados. A Polícia Militar foi então acionada e efetuou a prisão .

A operação se destinou ao grupo do trânsito que é o recordista em óbitos decorrentes de acidentes no município, segundo os estudos mais recentes do Observatório Municipal de Segurança Viária .

Entende-se que o atual panorama socioeconômico de enfrentamento da pandemia de Covid-19 trouxe o fenômeno do aumento da circulação de motocicletas para a realização de entregas rápidas, denominada delivery. Apesar da redução dos acidentes em 4,59% no 1º quadrimestre de 2020, especificamente para motociclistas houve um aumento de 34,18% nos desastres no mesmo período.

Por esse motivo, o Grupo de Segurança Viária manterá as fiscalizações integradas neste ano visando a proporcionar mais segurança tanto aos motociclistas quanto aos demais usuários das vias públicas , lutando pela redução dos acidentes de trânsito , mortos e feridos e sempre reivindicando a participação de toda a sociedade por um trânsito mais seguro.

    Veja Também

      Mostrar mais