Paciente de número 500 a ter alta médica
Prefeitura de Guarulhos/Márcio Lino
Nelson Cruz, de 80 anos, foi o 500º paciente a receber alta do hospital de campanha de onde saiu curado depois de passar 30 dias internado


Na despedida do paciente de número 500 do hospital de campanha de Guarulhos , muita emoção. O idoso Nelson Cruz ficou internado no Centro de Combate ao Coronavírus (3C-GRU) durante 30 dias e sua recuperação e alta foram muito festejadas, especialmente pela auxiliar de enfermagem Adelange Barbosa, que cuidou dele durante todo o tempo de internação

“Todas as altas são uma emoção enorme. O seu Nelson ficou 30 dias internado aqui na nossa tenda e estou muito emocionada porque cuidei dele desde o início. Lembro que ele cantava para nós todas as vezes que chegávamos com a alimentação e para cuidar dele. Sempre muito carinhoso, ele nos chamava de netinhos e netinhas. Então vê-lo curado e de alta é uma emoção muito grande”, disse.

De acordo com dados da Secretaria de Saúde , Guarulhos tem índice de cura da covid-19 em 86,51%.

Hospital de campanha

Guarulhos foi o primeiro município brasileiro a construir, em seis dias, um hospital de campanha para triagem e tratamento de pacientes acometidos pelo novo coronavírus , garante a prefeitura. Nesta semana, o 3C-GRU completou quatro meses de funcionamento. Desde então já foram realizados no local cerca de 40 mil atendimentos , incluindo a triagem das pessoas que chegam a pé ou pelo sistema drive-thru, exames , bem como o tratamento dos pacientes infectados pelo novo coronavírus feito pelo hospital de campanha que fica dentro do complexo.

LEIA TAMBÉM:

Em Guarulhos, taxa de ocupação de leitos de UTI covid-19 recua a 64,8%

Cremesp aponta falhas no hospital de campanha; Guarulhos contesta relatório


Com 80 leitos, sendo 24 de UTI, o hospital é considerado pela prefeitura como "muito importante" nas ações de combate à covid-19 na cidade. A necessidade dessa estrutura levou o município a renovar por mais um mês o contrato com o Instituto Medizin de Saúde  - Imedis , administrador do estabelecimento. O vencimento do contrato, que aconteceria na terça-feira (4), foi prorrogado pelo menos até o dia 4 de setembro, "desde que a cidade tenha segurança para fechar o complexo nessa data", observou o secretário de Saúde José Mário Stranghetti. 

Fechamento

“Não temos a menor condição de encerrar o contrato no dia 4 de agosto. Por isso, prorrogamos. Contudo, a partir do próximo dia 15 vamos fazer uma logística muito cuidadosa de, aos poucos, restringir as internações no 3C-GRU, que permanecerá fazendo somente a triagem no sistema drive-thru e para quem chega a pé, bem como os exames. Já as novas internações encaminharemos aos demais hospitais da rede, se a taxa de ocupação nos permitir, para que no dia 4 de setembro a gente possa encerrar o contrato e as atividades no local se tudo estiver correndo bem”, destacou o secretário. 

Stranghetti explicou também que para fazer a remoção dos pacientes internados no 3C-GRU utilizará os 12 leitos locados dos hospitais privados Carlos Chagas e Bom Clima, cujos contratos ficam vigentes até os dias 8 e 10 de setembro, respectivamente. “Porém, é importante deixar claro que somente fecharemos o hospital de campanha com total segurança”, reforçou.

    Veja Também

      Mostrar mais