Reunião virtual na ACE-Guarulhos
Divulgação/Lupacom Comunicação
Convidado pelo presidente Silvio Alves, Guti apresentou as mais recentes ações no combate à pandemia de coronavírus na cidade e respondeu a perguntas da direção da ACE

Guarulhos deve perder R$ 580 milhões em arrecadação neste ano por causa da pandemia de coronavírus . A estimativa foi feito pelo prefeito Gustavo Henric Costa , durante reunião virtual com a diretoria executiva da Associação Comercial e Empresarial de Guarulhos (ACE), nesta quarta-feira (10).

A declaração aconteceu quando o prefeito lamentava os impactos da Covid-19 nos cofres públicos: “Todos estamos perdendo com essa tragédia. As empresas e a própria Prefeitura, que deve ter uma queda de aproximadamente R$ 580 milhões em arrecadação”, disse para os cerca de 30 participantes, entre diretores, conselheiros e os secretários Edmílson Americano (Governo) e William Paneque (SDCETI).

Reunião

Convidado pelo presidente Silvio Alves , Guti apresentou as mais recentes ações no combate à pandemia de coronavírus na cidade e respondeu a perguntas feitas pelo corpo diretivo da entidade a respeito dos impactos da crise no setor produtivo.

Em uma das questões, Silvio perguntou o prefeito sobre quais medidas o governo pretende adotar visando contribuir para o fomento da economia no pós-Covid-19. E lembrou que a ACE-Guarulhos promove, há mais de 10 anos, a campanha “Compre em Guarulhos”, com o objetivo de fidelizar o consumo da população no comércio local e gerar divisas para o município.

Guti afirmou que fará um estudo para saber da viabilidade jurídica e que, se houver sinal verde na questão legal, vai auxiliar na ampliação dessa divulgação. “Se do ponto de vista jurídico houver a possibilidade, nós podemos estudar uma parceria com a ACE e demais entidades representativas para disponibilizar outdoors e divulgar essa campanha. Podemos, também, pensar em ações publicitárias na grande mídia. Se as entidades ajudarem com o custo, podemos intermediar elaboração com a comunicação”, afirmou o prefeito.

“Incentivar o consumo na cidade é bom para todos: empresários , colaboradores e prefeitura . Desta forma, aumentamos o emprego, a circulação de renda e a receita do próprio município”, lembrou o presidente.

Retomada

Durante a reunião online, o prefeito Guti falou sobre a flexibilização das atividades econômicas na cidade e como as ações e números podem influenciar na definição de datas para reaberturas . “Vamos começar no dia 15, sempre dependendo diretamente da taxa de ocupação hospitalar. Estamos ampliando a oferta de leitos nesta semana e, se tudo der certo, podemos até pensar em antecipar algo inicialmente marcado para o dia 22/06”, explicou Guti.

O prefeito se mostrou aberto a continuar ouvindo sugestões da entidade a respeito de ajustes no decreto. “Temos sugestões de pequenas, mas importantes alterações. Como, por exemplo, no limite do horário de funcionamento e da permissão de circulação de clientes em shoppings . Temos diretores que sugeriram, também, a inclusão no decreto de questões voltadas aos condomínios. Não está claro se eles têm autonomia para definir as regras de isolamento ”, explicou Silvio.

Guti afirmou ainda que haverá aumento da frota de transporte público coletivo com a retomada, prevista para ter início no dia 15 de junho.

    Veja Também

      Mostrar mais