Operação Loki da Polícia Civil
Divulgação/Polícia Civil
Na casa do líder da quadrilha, os agentes localizaram um revólver calibre 32 e munições. Ele foi preso em flagrante por porte ilegal de arma.

A Polícia Civil , através da 4ª Delegacia de Polícia de Guarulhos ( Demacro ), deflagrou a operação denominada “ Loki ”, com o objetivo de cumprir 18 mandados judiciais de busca e apreensão, na sexta-feira. Além de Guarulhos, os policiais cumpriram as  determinações judiciais em São Paulo, Barueri, São José dos Campos, Atibaia, Jundiaí e Franco da Rocha.

Os agentes realizavam investigações com o objetivo de combater a criminalidade , quando obtiveram informações privilegiadas sobre uma quadrilha especializada em fraudar documentos que embasariam fianças em contratos de locação .

De posse das ordens judiciais, os agentes se dirigiram até os locais-alvos, onde apreenderam diversos documentos que comprovam a atividade ilícita da organização criminosa. Na casa do líder da quadrilha , os agentes localizaram um revólver calibre 32 e munições . Ele foi preso em flagrante por porte ilegal de arma.

As investigações prosseguem no sentido de identificar e prender outros criminosos envolvidos nas atividades ilícitas.

    Veja Também

      Mostrar mais