Mais de 15 kg de drogas foram apreendidos pela Polícia Federal, em ações distintas, no aeroporto de Guarulhos.
Divulgação/Polícia Federal
Mais de 15 kg de drogas foram apreendidos pela Polícia Federal, em ações distintas, no aeroporto de Guarulhos.

A Polícia Federal , no Aeroporto Internacional de Guarulhos , prendeu, em ação conjunta com a Receita Federal , entre sábado e domingo (16 e 17/10), quatro passageiros de voos internacionais transportando drogas .

Na primeira ação, realizada por servidores da Receita Federal que atuam junto aos canais de inspeção, uma brasileira, que desembarcou de voo procedente do México, foi selecionada e teve suas bagagens submetidas à fiscalização indireta, por meio do raio-x, momento em que ficou identificada substância oculta nas estruturas de sua mala. Ao ser desmontar a mala, foram encontrados pacotes contendo substância cristalizada. Conduzida à PF, ela foi presa após os exames resultarem positivo para metanfetamina, cujo volume somou mais de 4 Kg. A suspeita disse, em seu depoimento, que já havia sido presa por tráfico de drogas em Portugal, quando transportava mais de 1 Kg de cocaína para aquele país.

Momentos após esta prisão, policiais federais, que atuam no controle migratório, prenderam uma mulher, nacional de Portugal, com mais de 2 Kg de cocaína ocultos no corpo. Ela pretendia embarcar para Lisboa, em Portugal, em voo cujo destino final era Londres, na Inglaterra.

LEIA TAMBÉM:  Pimentas, Centro e São João lideram chamados de aglomerações no fim de semana

Leia Também

Já na fila do check-in de voo para Addis Ababa, na Etiópia, outra equipe de policiais, ao revistar um passageiro, nacional da Nigéria, que possui Registro Nacional de Estrangeiro (RNE), encontrou mais de 3 Kg de cocaína ocultos numa espécie de colete vestido pelo homem. O suspeito já havia sido preso anteriormente, no mesmo aeroporto, pelo mesmo crime.

No domingo (17), servidores da Receita Federal, que atuam com o auxílio de cães farejadores, selecionaram uma mala despachada por passageiro que iria para Addis Ababa, na Etiópia, em razão da indicação do animal, e acionaram a PF. Localizado junto ao portão de embarque, o passageiro, nacional da Nigéria, possuidor de RNE, foi conduzido à delegacia e preso após os policiais encontrarem quase 7 Kg de cocaína ocultos dentro de embalagens de bombons.

Os presos serão apresentados à Justiça Federal onde responderão pelo crime de tráfico internacional de drogas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários